ESTÁ AQUI: INÍCIO | Destaques
| MAPA DO SITE | EMAIL | PROCURAR
SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA
Voltar à pagina de entrada!

Gruta do escoural

Sé de Évora

Viola Campaniça

Jangada de São Torpes

Miróbriga

Castelo e Igreja do Salvador (Arraiolos)

Sé de Évora

Castelo da Amieira do Tejo

Castelo de Viana do Alentejo

Templo romano de Évora

Sé de Évora

Castelo da Amieira do Tejo

Villa Romana de Torre de Palma

Castelo e Igreja Matriz de Viana do Alentejo

Centro Interpretativo do Castro da Cola (Ourique)

Castro da Cola (Ourique)

Évoramonte

Villa Romana de S. Cucufate

Miróbriga

Castelo de Evoramonte

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Bonecos de São Bento do Cortiço

Grupo Cubenses Amigos do Cante

 

Castelo de Belver

Villa Romana de Torre de Palma

cavalo pintado

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Villa Romana de S. Cucufate

Castelo de Santiago do Cacém

Castelo de Viana do Alentejo

Castelo de Arraiolos

Brincas de Évora

Abóbada da Basílica Real de Castro Verde

Destaques
Imprimir documento


'Marcado pelo Tempo' - Exposição de Yvonne Halfens inaugura a 25 de agosto
17-08-2018

'Marcado pelo Tempo' é o tema da exposição constituída por trabalhos em cerâmica da artista holandesa Yvonne Halfens, que inaugura dia 25 de agosto, às 18 horas, na Torre do castelo de Evoramonte, contando com um apontamento musical, de violino, interpretado por Andrea Vaz.

Integra maioritariamente cabeças e bustos em cerâmica. Muitas das peças têm uma aparência trágica ou fatalista, outras são místicas ou românticas.
Na sua obra artística, Yvonne Halfens reflete a transitoriedade e a intemporalidade de ser um humano.
As suas esculturas são em grande parte cozidas nos fornos das Irmãs Flores.

Desde 2012, que Yvonne Halfens viaja regularmente até Évoramonte, para residências artísticas. Ficou fascinada com a cultura da região: pelas igrejas, estátuas e ornamentação. Ela também contemplou o que fez o tempo com as suas criações e os seus  pensamentos.

A exposição, organizada pela Direção Regional de Cultura do Alentejo em parceria com a Fundação OBRAS e a Câmara Municipal de Estremoz, poderá ser visitada até dia 14 de outubro, próximo.

Mais informação

[ voltar ]

 

 

ADECORRER

João Cutileiro - A PEDRA NÃO ESPERA - Maquetas e escultura para o espaço urbano



EMAGENDA

<setembro de 2018>
domsegterquaquisexsáb
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
1
2
3
4
5
6
 


SUBSCREVANEWSLETTER

Quer receber as nossas notícias?
Registe-se