ESTÁ AQUI: INÍCIO | Destaques
| MAPA DO SITE | EMAIL | PROCURAR
SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA
Voltar à pagina de entrada!

Sé de Évora

Jangada de São Torpes

Castelo e Igreja do Salvador (Arraiolos)

Castelo de Arraiolos

Miróbriga

Castro da Cola (Ourique)

Castelo de Santiago do Cacém

Brincas de Évora

Grupo Cubenses Amigos do Cante

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Castelo de Viana do Alentejo

Viola Campaniça

Villa Romana de S. Cucufate

Villa Romana de Torre de Palma

Gruta do escoural

Abóbada da Basílica Real de Castro Verde

Castelo da Amieira do Tejo

Castelo de Viana do Alentejo

cavalo pintado

Villa Romana de S. Cucufate

Centro Interpretativo do Castro da Cola (Ourique)

Sé de Évora

Castelo da Amieira do Tejo

Castelo e Igreja Matriz de Viana do Alentejo

Templo romano de Évora

Bonecos de São Bento do Cortiço

 

Évoramonte

Sé de Évora

Miróbriga

Villa Romana de Torre de Palma

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Castelo de Belver

Castelo de Evoramonte

Destaques
Imprimir documento


Concerto de Ano Novo - Sé de Évora - Capella Patriarchal
02-01-2019
Concerto de Ano Novo - Sé de Évora - Capella Patriarchal

O Cabido da Sé de Évora e a Editora Althum.com convidam para o Concerto de Ano Novo que se realiza no próximo dia 12 de janeiro, às 18 horas, na Sé de Évora, no qual o Capella Patriarchal (João Vaz - órgão e direção) interpretará Lamentações de Quinta - Feira Santa, de Frei Fernando de Almeida. A entrada é livre mediante reserva  obrigatória.

Os lugares estão condicionados à capacidade do espaço.

Reservas e informações
info@althum.com

919 745 338

CAPELLA PATRIARCHAL

Criado em 2006, e contando já com diversos concertos em Portugal, Espanha e Alemanha, o projeto Capella Patriarchal é destinado fundamentalmente à divulgação dos tesouros da música sacra portuguesa. Apresentando frequentemente obras inéditas, tem contado com cuidadoso trabalho prévio de investigação das fontes musicais assim como um intenso esforço de observação das práticas interpretativas das diversas épocas. É dirigido pelo organista e musicólogo João Vaz (professor de órgão na Escola Superior de Música de Lisboa), que tem desenvolvido uma intensa carreira internacional, dedicando uma grande parte da sua atividade ao estudo e divulgação da música portuguesa.

O REPERTÓRIO

"(...) a engenhosidade do estilo de Fernando de Almeida é particularmente notória pelos processos de pendor naturalista como o significativo nível de redundância entre o texto e o gesto musical (frequentemente assimilada à retórica madrigalista) e a consistente integração do ornamento na estrutura discursiva são, essencialmente, características já barrocas, embora vertidas no «stile antico» de raíz maneirista ibérica, de que Fernando de Almeida é simultaneamente herdeiro e inovador. De acordo com o uso, bem documentado, do século XVII, as vozes são neste registo dobradas pelo órgão e a pronúncia do latim é a portuguesa, já que a pronúncia italiana se vulgarizou entre nós apenas a partir do segundo quartel do século XVIII." João Pedro d'Alvarenga

[ voltar ]

 

 

ADECORRER

Visitas ao Património - Alentejo - 2018/2019



EMAGENDA

<junho de 2019>
domsegterquaquisexsáb
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
1
2
3
4
5
6
 


SUBSCREVANEWSLETTER

Quer receber as nossas notícias?
Registe-se