ESTÁ AQUI: INÍCIO | Destaques
| MAPA DO SITE | EMAIL | PROCURAR
SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA
Voltar à pagina de entrada!

Castelo de Viana do Alentejo

 

Miróbriga

Gruta do escoural

Brincas de Évora

Castelo de Evoramonte

Sé de Évora

Templo romano de Évora

Sé de Évora

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Miróbriga

Évoramonte

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Castelo de Arraiolos

Villa Romana de Torre de Palma

Villa Romana de Torre de Palma

Castelo de Viana do Alentejo

Castelo e Igreja do Salvador (Arraiolos)

Sé de Évora

Castelo de Santiago do Cacém

Villa Romana de S. Cucufate

Grupo Cubenses Amigos do Cante

Villa Romana de S. Cucufate

Castro da Cola (Ourique)

Centro Interpretativo do Castro da Cola (Ourique)

Bonecos de São Bento do Cortiço

Castelo e Igreja Matriz de Viana do Alentejo

Viola Campaniça

Jangada de São Torpes

Castelo da Amieira do Tejo

Castelo de Belver

Castelo da Amieira do Tejo

cavalo pintado

Abóbada da Basílica Real de Castro Verde

Destaques
Imprimir documento


Terra a Três - Exposição temporária no Museu da Luz
23-05-2019
Terra a Três - Exposição temporária no Museu da Luz

O Museu da Luz, propriedade da EDIA e localizado na Aldeia da Luz, concelho de Mourão, tem patente ao público a exposição temporária "Terra a Três", de António Cunha, Martinho Marques e Jorge Humberto (Joh).

Esta exposição de fotografia, poesia, pintura e escultura tem o apoio da Direção Regional de Cultura do Alentejo e nasceu de um desafio colocado ao fotógrafo António Cunha, ao poeta Martinho Marques e ao artista plástico Jorge Humberto (Joh), quando o Museu da Luz considerou como seria interessante interligar várias áreas da Arte com o foco no mesmo tema.

Esse foi o repto colocado aos três artistas para que, a partir do elemento de contacto a trabalhar, a terra, fosse possível colocar em diálogo as múltiplas perspetivas sobre a mesma temática.

Recorde-se que o Museu da Luz nasceu da necessidade em preservar a memória de uma aldeia, a aldeia da Luz, submersa pelas águas de Alqueva. É este Museu o "fiel depositário" do espólio ancestral de usos e costumes, tradições e utensílios, que fizeram a história de uma aldeia. Mas é, sobretudo, um espaço projetado para o futuro e para a sedimentação de uma nova aldeia.

O Museu da Luz integra a Rede Portuguesa de Museus e está aberto de terça a domingo, das 09:30h às 13:00h e das 14:30h às 17:30h.

Mais informação

[ voltar ]

 

 

ADECORRER

Música nas Igrejas - Ciclo de Concertos de Órgão da Igreja de S. Francisco



EMAGENDA

<novembro de 2019>
domsegterquaquisexsáb
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
1
2
3
4
5
6
7
 


SUBSCREVANEWSLETTER

Quer receber as nossas notícias?
Registe-se