ESTÁ AQUI: INÍCIO | Destaques
| MAPA DO SITE | EMAIL | PROCURAR
SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA
Voltar à pagina de entrada!

Sé de Évora

Castelo e Igreja do Salvador (Arraiolos)

Castelo da Amieira do Tejo

Castelo de Viana do Alentejo

Centro Interpretativo do Castro da Cola (Ourique)

Castelo de Belver

cavalo pintado

Castelo de Santiago do Cacém

Miróbriga

Jangada de São Torpes

Castelo de Evoramonte

Castelo da Amieira do Tejo

Grupo Cubenses Amigos do Cante

Sé de Évora

Viola Campaniça

Estamos ON | Site culturacovid19

Évoramonte

Sé de Évora

Castelo de Arraiolos

Villa Romana de S. Cucufate

Miróbriga

Castelo e Igreja Matriz de Viana do Alentejo

Brincas de Évora

Templo romano de Évora

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Gruta do escoural

 

Villa Romana de S. Cucufate

Castelo de Viana do Alentejo

Villa Romana de Torre de Palma

Villa Romana de Torre de Palma

Castro da Cola (Ourique)

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Bonecos de São Bento do Cortiço

Abóbada da Basílica Real de Castro Verde

Destaques
Imprimir documento


João Cutileiro:Diretora Regional de Cultura do Alentejo manifesta profundo pesar
06/01/2021
João Cutileiro:Diretora Regional de Cultura do Alentejo manifesta profundo pesar

A Diretora Regional de Cultura do Alentejo manifesta publicamente a mais profunda consternação pelo falecimento do escultor João Cutileiro (1937-2021) e endereça à família as mais sinceras e sentidas condolências.

Indiscutivelmente um dos mais singulares artistas portugueses do século XX, com uma vida dedicada à arte, à criação artística e à divulgação e fomento da escultura, João Cutileiro difundiu amplamente a Cultura portuguesa, em Portugal e no estrangeiro, ao longo de mais de setenta anos.

A inestimável obra de uma vida, também como artista plástico e fotógrafo, o talento, a personalidade generosa de João Cutileiro, continuarão a inspirar jovens artistas, a contribuir para a criação, para o estudo e investigação, continuando a desafiar, a renovar. A fruíção do seu trabalho, no Alentejo, no país, no mundo, perpetuará a memória do escultor, que vivia em Évora desde 1985, e torná-lo-á perene tal como a pedra que trabalhava, desafiando o tempo efémero.


O velório de João Cutileiro terá lugar a partir das 13h00 desta quarta-feira, 6 de janeiro, na Igreja do Salvador, em Évora.
O funeral seguirá amanhã para Elvas, onde o escultor será cremado às 12h00.

[ voltar ]

 

 

ADECORRER

Estamos ON | Site culturacovid19



EMAGENDA

<janeiro de 2021>
domsegterquaquisexsáb
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
 


SUBSCREVANEWSLETTER

Quer receber as nossas notícias?
Registe-se