ESTÁ AQUI: INÍCIO | Destaques
| MAPA DO SITE | EMAIL | PROCURAR
SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA
Voltar à pagina de entrada!

Gruta do escoural

Castelo da Amieira do Tejo

Castelo de Viana do Alentejo

Profs_cultura_estatuto1_banner22

Estamos ON | Site culturacovid19

Villa Romana de S. Cucufate

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

cavalo pintado

Bonecos de São Bento do Cortiço

Sé de Évora

Grupo Cubenses Amigos do Cante

Villa Romana de Torre de Palma

Sé de Évora

cultura_estatuto_profissionais22

Castelo e Igreja Matriz de Viana do Alentejo

Castelo de Arraiolos

Villa Romana de Torre de Palma

Castelo de Belver

Abóbada da Basílica Real de Castro Verde

Viola Campaniça

Centro Interpretativo do Castro da Cola (Ourique)

 

Brincas de Évora

Templo romano de Évora

Jangada de São Torpes

Évoramonte

Castelo de Evoramonte

Castelo da Amieira do Tejo

Miróbriga

Villa Romana de S. Cucufate

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Castro da Cola (Ourique)

Castelo e Igreja do Salvador (Arraiolos)

Castelo de Viana do Alentejo

Castelo de Santiago do Cacém

Miróbriga

Estatuto dos Profissionais da Área da Cultura

Sé de Évora

Destaques
Imprimir documento


EXQUISITA - Exposição de relojoaria - Museu do Relógio: Pólo de Évora e em Serpa
13/12/2021
EXQUISITA - Exposição de relojoaria - Museu do Relógio: Pólo de Évora e em Serpa

EXQUISITA é o nome da exposição de relojoaria inédita em Portugal recentemente inaugurada no Museu do Relógio, no Pólo de Évora e em Serpa. Encontram-se em destaque mais de duzentos relógios que de uma forma ou de outra têm uma identidade ímpar, uma forma diferente de dar as horas, retratam uma sátira política ou social, ou seja, são o que os franceses chamam de "exquisite".

Esta exposição temporária reune vários relógios de bolso, pulso ou de mesa, todos cedidos temporariamente por colecionadores "Amigos do Museu" de todo o país.
Sem qualquer intuito comercial (não há patrocínio de marcas ou importadores), pretende-se distinguir todos os relógios e os seus proprietários que participam na iniciativa, a qual conta com vários parceiros exclusivamente para promoção e divulgação mútua.

A exposição decorre de 10 a 31 de dezembro no Pólo de Évora do Museu do Relógio, e de 10 a 30 de janeiro de 2022 no Museu principal em Serpa.

O ingresso de entrada é de 2 euros.

Organização: Museu do Relógio
Apoios: Câmara Municipal de Évora; Inatel; Diário do Sul; Anuário Relógios e Canetas; Revista Espiral do Tempo


Mais informações: www.museudorelogio.com

 

[ voltar ]

 

 

ADECORRER

Estatuto dos Profissionais da Área da CulturaANTROPOCÉNICA - Propostas para apresentação de comunicaçõesJorge Colaço e a Azulejaria Figurativa do seu TempoApoio à Atividade Cultural e aos Agentes Culturais do Alentejo 2021Estamos ON | Site culturacovid19



EMAGENDA

<janeiro de 2022>
domsegterquaquisexsáb
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
 


SUBSCREVANEWSLETTER

Quer receber as nossas notícias?
Registe-se