ESTÁ AQUI: INÍCIO | DRCALENTEJO | Projetos Cofinanciados
| MAPA DO SITE | EMAIL | PROCURAR
SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA
Voltar à pagina de entrada!

Centro Interpretativo do Castro da Cola (Ourique)

Estamos ON | Site culturacovid19

Bonecos de São Bento do Cortiço

cavalo pintado

Castelo de Santiago do Cacém

Castelo e Igreja Matriz de Viana do Alentejo

Castelo de Arraiolos

Brincas de Évora

Abóbada da Basílica Real de Castro Verde

 

Castro da Cola (Ourique)

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Castelo de Belver

Viola Campaniça

Castelo e Igreja do Salvador (Arraiolos)

Castelo da Amieira do Tejo

Évoramonte

Castelo da Amieira do Tejo

Gruta do escoural

Castelo de Evoramonte

Villa Romana de Torre de Palma

Sé de Évora

Villa Romana de S. Cucufate

Miróbriga

Castelo de Viana do Alentejo

Villa Romana de Torre de Palma

Sé de Évora

Castelo de Viana do Alentejo

Grupo Cubenses Amigos do Cante

Templo romano de Évora

Sé de Évora

Jangada de São Torpes

Mosteiro de Santa Maria de Flor da Rosa

Miróbriga

Villa Romana de S. Cucufate

Projetos Cofinanciados
Imprimir documento


  • Projeto Agiliz@

    Designação do Projeto |Agiliz@
    Operação|POCI/SAMA - FEDER/FSE-43897
    Candidatura| SAMA 02/SAMA/2018
    Objetivo Principal | Implementação de um Sistema de Gestão Documental.Interligar as plataformas já existentes em cada uma das três Direções Regionais de Cultura, de forma a automatizar a sua comunicação com os processos aquisição/receita/faturação, proporcionando  aos  organismos envolvidos  desmaterialização  de  documentos  e processos administrativos, melhorando a eficácia e eficiênciados serviços.
    Entidade Beneficiária| Direção Regional de Cultura do AlentejoParceiros| Direção  Regional  de  Cultura  do  Norte;  Direção  Regional  de  Cultura  do  Alentejo;  Direção  Regional  de Cultura do Algarve
    Data de Aprovação|23-03-2020
    Data de Inicio|2-09-2019
    Data de Conclusão|2-3-2021
    Custo total Elegível/Todos Parceiros|770 965,99 euros
    Apoio Financeiro da União Europeia |FEDER-655 321,09 euros
    Apoio Financeiro Público Nacional| 115 644,90 euros
    Custo Total Elegível-DRCALEN|156 847,79 euros
    Apoio Financeiro da União Europeia| FEDER: 133 320,62euros
    Apoio Financeiro Publico Nacional|23 527,17euros

    Objetivos/Resultados| Implementação   de   Medidas   de   Modernização   Administrativa. Desmaterializaçãode Processos.  Simplificação  de  práticas  administrativas,  melhorando  a  eficácia  e  eficiência dos  serviços  com  vista  à melhoria  do  serviço  prestado  aos  cidadãos,  empresas  autarquias,  outros  organismos  do  Estado,  entre  outros "stakeolders".Transparência.  Uniformização  de  processos  por  meio  da  interoperabilidade  semântica-comum  a toda a Administração Pública-através do recurso à Macro estrutura funcional (MEF).

  • Projeto |"Casa Cidadania Salgueiro Maia - 1.ª fase

    Designação do Projeto
    | “Casa da Cidadania Salgueiro Maia -1ª Fase”
    Código do Projeto | ALT20-08-2114-FEDER-000094
    Objetivo Principal | Conservação, Proteção, Promoção e Desenvolvimento do Património Natural e Cultural         
    Região de Intervenção| Portalegre
    Entidade Beneficiária | Direção Regional de Cultura do Alentejo
    Data da Aprovação | 10-01-2017
    Data de Inicio | 9-02-2017
    Data de Conclusão | 31-12-2020
    Custo Total Elegível | 1 104 227.39 euros
    Apoio Financeiro da União Europeia | FEDER-828 170.55 euros
    Apoio Financeiro Público Nacional/Regional | 276 056.84 euros

    Objetivos, Atividades, e Resultados Esperados
    A instalação da "CASA da CIDADANIA, Salgueiro Maia" no castelo  de  Castelo  de  Vide,  visa  promover  a visibilidade de uma personalidade de vulto da revolução do 25 de Abril de 1974, através do espólio militar que  doou  à  Autarquia  da  terra  onde  nasceu,  concretizando-se  a  descrição  de  um  percurso  de  vida  que mudou Portugal.

  • Projeto |Centro Interpretativo para o Cante Alentejano

    Designação do Projeto | "Centro Interpretativo para o Cante Alentejano"
    Código do Projeto | ALT20-08-2114-FEDER-000058
    Objetivo Principal | Conservação, Proteção, Promoção e Desenvolvimento do Património Natural e Cultural         
    Região de Intervenção| Évora
    Entidade Beneficiária | Direção Regional de Cultura do Alentejo
    Data da Aprovação | 22-02-2017
    Data de Inicio | 1-08-2017
    Data de Conclusão | 31-07-2021
    Custo Total Elegível | 180 810.00 euros
    Apoio Financeiro da União Europeia | FEDER-135 607.50 euros
    Apoio Financeiro Público Nacional/Regional | 45 202.50 euros

    Objetivos, Atividades, e Resultados Esperados

    Criação  de  um  centro interpretativo  sobre  uma  manifestação  do  património  cultural  imaterial  (PCI) português inscrita pela UNESCO: O Cante Alentejano.

 

  • Projeto |Requalificação de S. Bento de Cástris/Sphera Castris - 2.ª fase

    Designação do Projeto | Requalificação de S. Bento de Cástris/Sphera Castris - 2.ª fase
    Código do Projeto | ALT20-08-2114-FEDER-000045
    Objetivo Principal | Conservação, Proteção, Promoção e Desenvolvimento do Património Natural e Cultural         
    Região de Intervenção| Évora
    Entidade Beneficiária | Direção Regional de Cultura do Alentejo
    Data da Aprovação | 24-01-2017
    Data de Inicio | 2-02-2017
    Data de Conclusão | 30-06-2020
    Custo Total Elegível | 328 470.38€
    Apoio Financeiro da União Europeia | FEDER-246 352.79€
    Apoio Financeiro Público Nacional/Regional | 82 117.59€

    Objetivos, Atividades, e Resultados Esperados
    1.Adaptar  espaços  do  antigo  convento,  ala  sul  e  nascente  do  piso  térreo,  para  a  realização  de  eventos públicos,  com  o  mínimo  de  intervenção  no  que  se  refere  a  ações  de  reparação  e  de  introdução  de infraestruturas,  minimizando  os  impactos  arqueológicos  e  arquitetónicos,  utilizando  para  esse  efeito todos  os  traçados  e  caminhos  já  existentes,  mas  assegurando  ao  mesmo  tempo,  todas  as  condições  de segurança;
    2. Abrir ao público zonas do convento que se encontram encerradas, há mais de 10 anos.

 

  • Projeto | Requalificação do Castelo e da Fortificação Abaluartada de Campo Maior e Envolvente

    Designação  do  Projeto |  Requalificação  do  Castelo  e  da  Fortificação  Abaluartada  de  Campo  Maior  e Envolvente
    Código do Projeto | ALT20-08-2114-FEDER-000043
    Objetivo Principal | Conservação, Proteção, Promoção e Desenvolvimento do Património Natural e Cultural         
    Região de Intervenção| Portalegre
    Entidade Beneficiária | Município de Campo Maior e Direção Regional de Cultura do Alentejo
    Data da Aprovação |
    Data de Inicio | 15-5-2016
    Data de Conclusão | 31-03-2021
    Custo Total Elegível | 4 951.920 euros
    Apoio Financeiro da União Europeia | FEDER-3 713 940 euros
    Apoio Financeiro Público Nacional/Regional | 1 237 980 euros

    Objetivos, Atividades, e Resultados Esperados

    Intervenção  de  Requalificação  nas  Fortificações,nos  espaços  exteriores  adjacentes  às  mesmas  e  no Castelo  de  Campo  Maior.  Este  projeto  resulta  do  acordo  de  colaboração  entre  o  Município  de  Campo Maior, a Drcalen e os outros proprietários. O Município cede os prédios, que anteriormente foram cedidos pelaDireção  geral  do  Tesouro  e  Finanças  à  Direção  Regional  de  Cultura  do  Alentejo  para  efeitos  de apresentação  de  candidatura  a  financiamento  e  execução  das  respetivas  obras.Património  Natural  e Cultural no domínio da sustentabilidade e eficiência no uso dos recursos.

  • Projeto |Valorização, promoção e desenvolvimento do património histórico e cultural de Évora e da região envolvente

    Designação do projeto
    |Valorização, promoção e desenvolvimento do património histórico e cultural de Évora e da região envolvente.
    Código do projeto|ALT20-08-2114-FEDER-000081
    Objetivo principal| Conservação, proteção, promoção e desenvolvimento do Património natural e cultural.
    Região de intervenção|Alentejo Central
    Entidade beneficiária|Direção Regional de Cultura do Alentejo (entre outras)
    Data da aprovação|24-01-2017
    Data de início|01-01-201
    Data de conclusão|31-12-2019
    Custo total elegível| 2 090 745,30 euros
    Apoio financeiro da União Europeia|FEDER- 1 568 058.98 euros
    Apoio financeiro público nacional/regional|446 664,48 euros
    Apoio financeiro privado|76 021,84 euros

    Objetivos, atividades e resultados esperados

    A operação tem por objetivo dotar Évora e a região envolvente de ferramentas operativas no  campo da  valorização  e  da  promoção  do  património  histórico  e  cultural, de  apoio  a` visitação e experiência patrimonial, e ainda de animação do património e dos equipamentos culturais,  numa  lógica  de  valorização  turística  e  de  aumento  do  grau  de  satisfação  dos visitantes nacionais e estrangeiros.









  • Projeto "Cultura com Serviço de Excelência @DRCALEN"

    Designação
    : "Cultura com Serviço de Excelência @DRCALEN"
    Operação: ALT20-09-5762-FSE-000002 PA(1) - operação  financiada no âmbito do Compete - Operações de Modernização da Administração Pública
    Candidatura:
    Sistema de Apoios à Modernização e Capacitação da Administração Pública (SAMA)
    Aviso abertura: Concurso ALT20-62- 2015-10
    Aprovação: 3/8/2016
    Data de início: 15/2/2017
    Data de conclusão: 6/03/2018
    Objetivo: A capacitação e formação da DRC Alentejo para a obtenção da Certificação da entidade pela Norma NP ISO 9001:2015 (norma em fase de revisão, que será adotada internacionalmente ainda 2015). A DRC Alentejo acompanhará as entidades nacionais e internacionais que 1.º irão implementar e certificar-se enquadradas por esta Norma.

    A implementação e a certificação de um Sistema de Gestão da Qualidade e Avaliação de Satisfação dos serviços prestados pela entidade, dando desta forma continuidade ao caminho que persegue e prossegue em termos de modernização e capacitação administrativa. No âmbito da competência da DRCALEN esses ganhos traduzir-se-ão funcionalmente na qualificação dos recursos humanos; reorganização de processos; simplificação de procedimentos; reestruturação de custos; articulação com sistemas de gestão da informação/TIC; e implementação de modelos de avaliação e controlo dos resultados com vista à eficácia e eficiência da gestão pública, assim como no aumento da satisfação do cliente com os serviços prestados.

    Verba Total Aprovada: 28 961,53 euros
    FSE: 24 617,30 euros
    CPN: 4 344,23 euros

    Resultados: Obtenção de Certificação ISSO 9001:2015; Implementação do sistema ERP- Entreprise Resource Planing
ADECORRER

Apoio à Atividade Cultural e aos Agentes Culturais do Alentejo 2021Estamos ON | Site culturacovid19



EMAGENDA

<abril de 2021>
domsegterquaquisexsáb
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
1
2
3
4
5
6
7
8
 


SUBSCREVANEWSLETTER

Quer receber as nossas notícias?
Registe-se